Como ensinar uma criança de 3 anos a ler

Como ensinar a ler? Por onde começar, alfabetização e atividades

Como ensinar uma criança de 3 anos a ler

Ler, com certeza, é uma das práticas mais prazerosas que existem. Isso porque, por meio da leitura, é possível viajar para lugares distantes, imaginar cenários fantasiosos e mergulhar em diversos tipos de conhecimento. Porém, a leitura é um hábito adquirido, e as práticas de como ensinar a ler devem vir logo cedo, ainda na fase infantil.

Ou seja, a alfabetização infantil é crucial para tornar a leitura um hábito prazeroso. Alfabetizar não é tarefa fácil, mas existem diversas técnicas e maneiras de deixar os pequenos interessados em aprender a ler e escrever. Assim, para que o aprendizado seja feito de forma eficiente, é necessário que alguns pontos sejam destacados.

A leitura, neste caso, pode ser ensinada por meio de comportamentos e diversas atividades. Nesse sentido, o comportamento diz respeito ao ambiente onde a criança está e às formas com que os pais auxiliam no processo de aprendizado.

Ao auxiliar uma criança a ler, por exemplo, técnicas simples podem tornar o desenvolvimento da leitura prazeroso. Assim, não é forçar o aprendizado, mas sim aprender formas de tornar o caminho mais agradável para os pequenos.

Mas, afinal, quais são as técnicas para ensinar a ler? Vamos te contar!

Como ensinar a ler?

O primeiro passo para auxiliar uma criança como ensinar a ler é a alfabetização. Com isso, é necessário mostrar para a criança os benefícios que ela terá com a leitura.

Um dos primeiros caminhos, nesse sentido, é relacionar a escrita com objetos visuais. Mas por quê? A resposta é simples!

Imagine que você esteja aprendendo uma nova língua. Ali, nos primeiros dias de aprendizado, você não consegue entender o que está escrito numa frase sem a ajuda de imagens que se associem à escrita. Isso acontece porque as letras que formam a frase não passam de símbolos. Com as crianças, a situação é a mesma.

Quindim

Então, o primeiro passo da alfabetização infantil é ensinar a diferença existente entre letras, desenhos e símbolos. O importante dessa técnica é mostrar para a criança que letras e símbolos possuem distinção e que podemos registrar o que falamos por meio da escrita.

Outro passo importante é ensinar a ordem como a leitura funciona, ou seja, da esquerda para a direita. Assim, vale ler junto da criança com o dedo sobre as palavras, ensinando com é a estrutura da leitura. A partir do entendimento das letras e da ordem de leitura, o próximo passo é ensinar as letras iniciais do alfabeto.

Para isso, é recomendado o uso de atividades lúdicas, como músicas, livros com histórias curtas e brincadeiras na internet, por exemplo. Esse tipo de prática ajuda a criança a entender como o alfabeto é montado. Assim, para iniciar o processo de alfabetização, as vogais e fonemas devem ser ensinados, mostrando que as letras podem formar palavras.

A partir do entendimento das vogais e fonemas, o próximo passo de como ensinar a ler é ensinar a criança a escrever o próprio nome. Isso porque, o nome representa um sentimento profundo, ou seja, a identidade. A questão do nome também pode ser aplicada com o nome dos pais e de amigos próximos à criança.

Contar histórias, com certeza, é uma técnica infalível. Depois de todo o processo de conhecimento do alfabeto, entendimento das vogais e da formação das palavras, a criança vai se apaixonar ainda mais pela leitura.

Provavelmente, nesta fase, os pequenos já estarão lendo por conta própria. A partir disso, o processo de aprendizado passa, então, para a fase do ritmo e da frequência de leitura.

Colégio Gênesis

O ritmo de leitura, neste caso, é o entendimento da criança sobre pontuação, pausas na leitura e entonação, por exemplo. Com a leitura frequente de histórias, a compreensão textual, com certeza, aumentará.

O que pode ser feito a partir disso é incentivar a produção de textos. Além do mais, a criança poderá aumentar o vocabulário já aprendido, além de compreender a estrutura das histórias com início, meio e fim.

Atividades para ensinar a ler

Cada fase da alfabetização infantil exige atividades diferentes, o que compõem os processos de como ensinar a ler. Isso porque, o nível de aprendizado vai aumentado conforme a idade. Então, nos primeiros momentos quando as vogais estão sendo ensinadas, por exemplo, é possível utilizar atividades como:

  • “A palavra ____ começa com que letra?”
  • “Qual a palavra que começa com a letra _____?”
  • Jogos na internet;
  • Livros pontilhados;
  • Músicas do alfabeto;
  • Caça-palavras;
  • Palavras cruzadas.

A partir da introdução das sílabas, as brincadeiras podem passar para um nível mais avançado, como a formação das palavras. Neste caso, brincadeiras como n+a forma na; n+e, forma ne e assim por diante. Por fim, o incentivo à leitura pode ser, também, mostrado quando a criança estiver na rua. Por exemplo, mostrar outdoors, placas, desenhos com escrita, etc.

E aí, o que achou da matéria? Se gostou, confira também o que é Intertextualidade e quais são os tipos de Variação Linguística. 

Fontes: Home Schooling Brasil, Leiturinha e Gravidez Online

Imagens: Outras Palavras, Quindim e Colégio Gênesis

Источник: https://conhecimentocientifico.r7.com/como-ensinar-a-ler/

Métodos para ensinar as crianças a ler

Como ensinar uma criança de 3 anos a ler

Aprender a ler é uma das coisas mais importantes que uma criança fará antes de completar 10 anos. Todo o seu desenvolvimento educacional, desde a ampliação do vocabulário até o desempenho nas demais disciplinas, está relacionado à capacidade de leitura. Portanto, conhecer métodos para ensinar as crianças a ler é fundamental.

Não há duas crianças que aprendem a ler da mesma maneira. Por isso, foram criados vários métodos. O segredo para encontrar métodos eficientes para ensinar as crianças a ler, geralmente, é escolher uma abordagem e seguir firme com ela.

No entanto, também pode ser útil combinar métodos. Tente fazer isso aplicando estratégias e oferecendo adaptações para a sala de aula, especialmente para alunos que tenham necessidades específicas de aprendizagem.

É importante lembrar que a motivação é fundamental. Da mesma forma, é preciso ser paciente para evitar que as crianças criem associações negativas com a escola e o com o aprendizado.

Habilidades de pré-leitura

As crianças começam a adquirir as habilidades necessárias para dominar a leitura a partir do momento em que nascem. De fato, um bebê de apenas seis meses de idade já consegue distinguir entre os sons da sua língua materna e os de uma língua estrangeira.

Aos 2 anos, o pequeno já domina fonemas nativos o suficiente para produzir corretamente mais de 50 palavras. Entre 2 e 3 anos, muitas crianças aprendem a reconhecer várias letras.

À medida que as habilidades motoras finas se desenvolvem, desenvolve-se também a habilidade de escrever, desenhar e copiar formas. Isso pode ser combinado para começar a escrever as letras.

Os pais podem incentivar as habilidades de pré-leitura de seus filhos de várias formas. Uma delas é apontar letras ao ler uma história. Também pode ser útil perguntar à criança sobre o seu dia. Ou, então, conversar com ela todos os dias para melhorar o desenvolvimento de suas habilidades narrativas.

Da mesma maneira, é importante ir a livrarias e bibliotecas com os pequenos e ler com eles. Quanto mais as crianças lerem com seus pais, professores e cuidadores, mais faremos com que os livros se tornem passatempos familiares para elas. E isso acontecerá de forma natural.

Métodos para ensinar a ler: fonética

Um fonema é a unidade fonológica mínima. Ou seja, a articulação mínima de um som de vogal e consoante. Os fonemas são as unidades básicas da linguagem falada.

Em uma língua alfabética, os sons são traduzidos em letras. As combinações de letras são usadas para representar palavras. Portanto, a leitura depende da capacidade de um indivíduo de decodificar palavras em uma série de sons. A codificação é o processo oposto e é a maneira como soletramos.

O método fonético para ensinar a ler começa com as letras e os sons com os quais são formadas sílabas, palavras e depois frases. É um método que faz o caminho do mais simples ao mais complexo. Ou seja, inicia-se do fácil, primeiro as letras, depois as sílabas, em seguida a palavra e, finalmente, a sentença.

Esse é um dos métodos mais populares para ensinar a leitura e também um dos mais usados. A princípio, o progresso pode ser lento e a leitura em voz alta não flui, mas pouco a pouco os processos cognitivos envolvidos na “tradução” entre letras e sons são automatizados e se tornam mais fluidos.

A abordagem da palavra completa

Esse método ensina a ler a palavra como um todo. O processo de decodificação é deixado de lado. As crianças não apenas pronunciam as palavras, mas aprendem a dizer a palavra reconhecendo a sua forma escrita.

Nesse caso, o contexto é importante. Portanto, fornecer imagens pode ajudar. Inicialmente, as palavras familiares podem ser apresentadas sozinhas, depois em frases curtas e, finalmente, em sentenças mais longas.

À medida que o vocabulário da criança aumenta, ela começa a identificar regras e padrões que poderá usar para ler novas palavras.

Ler através desse método é um processo automático e é por vezes chamado de leitura à simples vista. Depois de uma palavra ser exposta muitas vezes às crianças, elas conseguirão ler a maior parte do vocabulário que encontrar à primeira vista.

Métodos para ensinar as crianças a ler: a experiência linguística

O método da experiência linguística para o ensino da leitura baseia-se na aprendizagem personalizada. Nesse método, as palavras ensinadas são diferentes para cada criança. A ideia é aprender com palavras com as quais a criança já esteja familiarizada para facilitar o processo.

Para aplicar esse método, os pais e os professores podem criar histórias nas quais são usadas as palavras favoritas da criança em diferentes configurações. Por exemplo, as crianças podem fazer desenhos dessas palavras. Depois, podem juntar os desenhos em uma pasta para criar um livro de leitura especial.

Além disso, podemos pesquisar algumas palavras em livros infantis e usá-las para ajudar as crianças a descobrir o significado de palavras desconhecidas que aparecem em cada contexto. Isso desenvolve uma ótima estratégia de compreensão.

Em suma, quando se trata de ensinar a ler, é essencial levar em conta as necessidades e os interesses de cada criança e ver como ela evolui, além de considerar os seus interesses.

Pode interessar a você…

Источник: https://soumamae.com.br/metodos-para-ensinar-as-criancas-a-ler/

Como Ensinar uma Criança a LER! Conheça alguns métodos e brincadeiras

Como ensinar uma criança de 3 anos a ler

Você sabe como ensinar uma criança a ler? Existem vários métodos e passo a passo de como se ensinar uma criança a aprender a ler.

São diversos métodos e processos que existem. Estes métodos foram agrupados e classificados como sendo sintéticos e analíticos (veja esse post para entender um pouco mais sobre isso). Mas como é na prática?

Termos um passo a passo seria muito bom, porém, realmente, não temos como descrever todos esses métodos em um único post como esse. Inclusive, alguns métodos não “convivem” com outros, por terem metodologias opostas, e tão diferentes que poderiam atrapalhar mais o aprendizado da criança do que ajudar. Por isso, é sempre bom escolher um profissional gabaritado, muitas vezes já com experiência em um método, para poder ensinar a ler seu filho, ou sua filha. Mas hoje em dia também há métodos online interessantes, e também ferramentas que auxiliam a criança a desenvolver a habilidade de leitura. Um exemplo, como você já deve saber, é a nossa coleção da Minha Primeira Leitura, onde temos os livrinhos infantis que vão apresentando o mundo da leitura de forma gradual à criança. (conheça mais aqui). Assim, ela vai se familiarizando cada vez mais com a leitura e, consequentemente, com a escrita. Porém, precisamos criar também atividades para as crianças, e escolhemos algumas aqui que achamos pela internet e em artigos pedagogos. E, quanto mais cedo começarmos, mais a criança estará apta a adquirir esta habilidade.

Começando a Aprender

A partir dos 3 anos de idade a criança já pode começar aprender a ler. E nesse período de alfabetização (ou de pré-alfabetização, como citam alguns), é fundamental garantir as condições perfeitas para que ela absorva todo novo conhecimento a ser adquirido. A alfabetização não é um processo simples e rápido para a criança.

E para que essa fase ocorra de forma natural e saudável, é muito importante que os pais estejam sempre atentos e dispostos a ajudar nesse processo, e não contar apenas com a escola ou a creche.

O ideal é que o ambiente em que a criança vive seja totalmente favorável para que ela consiga desenvolver a linguagem de forma mais rápida. Nem todas as crianças vão estar prontas ou preparadas para aprender a ler. Por isso, é preciso que você prepare a criança para que esteja disposta, ou no mínimo, curiosa em aprender.

E lembre-se de nunca forçar que a criança faça alguma atividade que ela não queira fazer. Conquiste a criança apresentando a ela todos os prazeres que a leitura pode lhe proporcionar. Mas você fará isso demonstrando, e não a obrigando.

A criança aprende muito mais através dos estímulos visuais, por repetir várias vezes a mesma coisa, e pelos exemplos. Os maiores exemplos para as crianças são os pais, ou seja, ensinar a ler vai sempre começar de dentro de casa.

PASSO A PASSO PARA ENSINAR A LER

Para que a criança aprenda a ler com mais facilidade, a alfabetização precisa ser de forma lúdica e com muitas brincadeiras. Precisa ser um momento divertido e de prazer para a criança. Elencamos um passo a passo que acreditamos ser um bom método geral para isso.

Veja o passo a seguir:

  1. Comece pela leitura
  2. Em seguida, apresente o alfabeto
  3. Agora ensine as sílabas
  4. Associe o som das sílabas com objetos ou figuras
  5. Apresente palavras simples (2 sílabas, por exemplo)
  6. Comece a explorar mais palavras
  7. Coloque em prática todo o aprendizado

Como funciona cada passo? Vejamos.

1) Comece pela leitura

Crie um ambiente que seja favorável à leitura. Leia para a criança. Fazendo isso você ensina a criança a ser mais interessada pela leitura e também ensina que a leitura deve ser feita sempre da esquerda para a direita.

É muito importante a leitura na Educação Infantil. Leia mais aqui sobre isso.

2) Em seguida, apresente o alfabeto

A criança não tem como aprender a ler se ela não conhecer as letras e é por esse motivo que apresentar as letras para a criança é um dos primeiros passos a ser dado. Inicie pelas vogais que são mais fáceis de aprender e a pronunciar. E somente depois que a criança aprender por completo as vogais, você irá começar a ensinar as consoantes.

Mais importante do que saber o nome das letras consoantes, é também saber o som que elas emitem. Faça isso através de brincadeiras e materiais lúdicos. Existem também músicas que associam o som para uma determinada letra. Assim, a criança vai aprendendo o som das consoantes divertidamente.

O método que aborda muito bem essa questão dos sons das letras e suas associações com as vogais é conhecido como o método fônico.

Não precisa apressar que a criança aprenda a ler, pois ela fará isso dentro do tempo dela.

3) Agora ensine as sílabas

Comece criando sílabas com vogais, como: ba, be, bi, bo e bu. Faça isso através de joguinhos ou qualquer outra atividade lúdica.

O método silábico costuma frisar muito bem essa parte, fazendo a criança “decorar” o som que as sílabas fazem.

Certamente, não há como não haver uma decoreba nas sílabas, mas se puder explicar para a criança a lógica que o som é modificado de acordo com a junção das letras é o ideal. Assim, ela vai percebendo que há uma repetição das ideias dos sons formados por uma consoante mais uma vogal. Entender isso diminui muito a preocupação da criança em ter que decorar o som de cada sílaba.

4) Associe o som das sílabas com objetos ou figuras

É importante, após a criança ter começado o item anterior, conseguir associar um som de uma sílaba, ou mesmo de uma letra, com um objeto que ela conheça. Pode ser um objeto da casa, algum de seus brinquedos favoritos, uma imagem que ela goste, ou até mesmo o seu nome.

O ideal é começar com aquelas sílabas mais fáceis de serem pronunciadas.

Por exemplo, imagine que ela goste de gatinhos, então você pode mostrar um gato (uma imagem), e pedir a ela para começar a fazer o som inicial da palavra gato: “ggaa”.

Algo assim pode ser dito por ela.

Então mostre a letra que faz o som do g e então indique a consoante que forma com ela a sílaba GA!

Aos poucos ela vai entendendo esta associação. Por enquanto, não importa a palavra inteira. O início é o foco principal, mas se ela for bem, já pode passar para a próxima etapa.

5) Apresente palavras simples (2 sílabas, por exemplo)

Se a criança entendeu o processo anterior, então você já pode entrar nessa etapa que é fazer a criança reconhecer uma palavra completa.

Pegue palavras simples, como palavras de 2 sílabas fáceis de serem pronunciadas, como aquelas presentes no primeiro livro da Minha Primeira Leitura.

Continuando com o exemplo do Gato, podemos fazer com que a criança entenda que um objeto, ou uma palavra, é composto por mais de uma sílaba, por mais de uma formação de letrinhas.

Assim, depois que ela entender que a primeira parte da palavra gato é formada por GA, você pode fazer ela “descobrir” a segunda sílaba.

Uma das técnicas usadas seria mostrar outro objeto, ou palavra, que se inicie com TO. Por exemplo, TOMATE. Ou alguma outra com 2 sílabas seria o ideal.

Assim, ela vai entender que a sílaba inicial TO também está presente na palavra GATO.

Duas atenções importantes aqui devem ser mencionadas. Uma é que sempre é bom mostrar o objeto que você está trabalhando (seja em imagem ou alguma coisa física), e também as sílabas escritas. Com isso ela associa a fala com a escrita!

E a segunda atenção é que as duas sílabas tem que ser a mais próxima foneticamente possível. Por exemplo, a sílaba TO presente nas palavras Gato e Tomate são foneticamente iguais. Porém, a sílaba BO presente nas palavras Cabo e Bola são diferentes.

Essa fase é muito importante, e é onde muitas crianças começam a ter alguma dificuldade. Fique sempre atento, e use alguns produtos nossos para ajudar o seu filho a passar e aprender mais facilmente e de modo divertido.

6) Comece a explorar mais palavras

Após a criança entender a formação das palavras, e associar com a parte escrita, está na hora de darmos a ela mais palavras e mais desafios. É como num videogame, onde vamos passando de fase e o desafio começa a ser maior!

Nessa fase, você já pode apresentar palavras com mais de 2 sílabas.

Você também pode apresentar sílabas compostas por mais de duas letras, e outras características. Mas o ideal é sempre um processo gradativo, e utilizar objetos que a criança esteja sempre muito familiarizada. Brinque bastante com isso, e utilize o mesmo método que utilizamos no passo anterior.

7) Coloque em prática o aprendizado

Agora que a criança já tem o conhecimento das letras e sílabas, ensine-a a colocar em prática o que lhe foi ensinado. Estimule sempre a criança a ler alguma palavra em algum lugar, pode ser na rua, no supermercado ou jornal.

As crianças adoram saber que estão conseguindo as coisas e ficarão bem estimuladas quando começarem a ler suas primeiras palavras. Nessa fase é fundamental que os pais continuem estimulando que a criança tenha vivência com a leitura e a escrita. Por isso, não pare de ler para ela, e de contar historinhas bem divertidas.

Uma criança que tem um ambiente em casa de alfabetização chega na escola muito mais preparada para novos aprendizados.

ATIVIDADES PARA ENSINAR A LER

Em paralelo ao passo a passo que demos anteriormente, você pode criar atividades fáceis que ajudam e estimulam a criança a querer aprender brincando. Você consegue encontrar com muita facilidade jogos que são educativos para esse processo de alfabetização.

Na internet também é possível encontrar várias atividades feitas por profissionais da área educacional, disponíveis para impressão, e são algumas dessas que compilamos aqui. Existem também brinquedos que você pode utilizar para te auxiliar nesse processo de alfabetização, pois além entreter, é muito didático e ensina.

Confira agora algumas atividades que você pode fazer em casa ou na escola para ensinar a criança a ler.

ATIVIDADE 1 – Sorteio de combinações

Recursos para a atividade:

  • Fichas de papel.
  • Saco de plástico ou de pano.

Passo a passo para a atividade:

  1. Peça ajuda para as crianças para formarem sílabas com várias letras.
  2. Escreva as sílabas nas fichas de papel.
  3. Guarde as fichas no saco.
  4. Cada hora uma criança vai à frente.
  5. A criança tira uma sílaba do saco.
  6. Ela tem 10 segundos para falar outra(s) sílaba(s) para formar uma palavra.
  7. Cada palavra formada vale um ponto.

ATIVIDADE 2 – Tubarão comedor de sílabas

Recursos para a atividade:

  • Caixa de sapato.
  • Cartolina colorida.
  • Tinta guache.
  • Tesoura.

Passo a passo para a atividade:

  1. Faça um corte triangular na tampa da caixa, esta será a boca do tubarão.
  2. Decore e pinte a caixa com a tinta guache.
  3. Corte as cartolinas coloridas com formato de peixinhos, que caibam no espaço da boca do tubarão.
  4. Escreva sílabas no corpinho dos peixinhos.
  5. As crianças precisam colocar os peixinhos dentro do tubarão e repetir as sílabas que o tubarão está comendo.

ATIVIDADE 3 – Primeira letra do meu nome

Recursos para a atividade:

  • Fotos 3×4 das crianças;
  • Fichas de papel com cada letra do alfabeto;
  • Pregadores de roupa;
  • Barbante.

Passo a passo para a atividade:

  1. Estenda o barbante e faça um varal em um local aberto que todos os alunos possam ver e terem espaço para participar;
  2. Pregue o alfabeto de fichas de papel no varal;
  3. Peça para que cada criança prenda, com o pregador, a foto dela ao lado da letra do seu nome;
  4. Agora, faça fichas com os nomes delas, e peça para prender juntamente com suas fotos;
  5. Faça com que cada criança mostre a sua foto e também de alguma coleguinha, repita este processo para todos.

ATIVIDADE 4 – Aprendendo copiando

Recursos para a atividade:

  • Papel branco;
  • Revistas e jornais;
  • Giz de cera;
  • Tesoura;
  • Cola branca.

Passo a passo para a atividade:

  1. Distribua as revistas e jornais para cada criança;
  2. Peça para que cada uma recortem as letras dos jornais e das revistas;
  3. Com as letras recortadas, auxilie cada criança a formar seus próprios nomes e colar as letras em ordem em uma folha em branco;
  4. Agora, com o giz de cera, peça para que cada uma copie em outro papel em branco as letras que ela colou anteriormente;
  5. Repita o processo anterior usando várias cores de giz, para fixar o aprendizado.

Estas são apenas algumas atividades para estimular a criança a ter contato com as letrinhas e com as sílabas. É claro que existem tantas outras atividades que poderíamos citar aqui. O importante é ir testando cada atividade com seus filhos, em casa, ou na escola. Sugira também essas atividades na escola de seu filho, ou pergunte quais atividades que você poderia fazer em casa com seu filho. Certamente, você receberá diversas sugestões. Não esqueça também de mencionar nossa coleção à escola e à professora, pois certamente ajudarão no processo de alfabetização de seus filhos e alunos. Eles agradecerão a você, e saberão que você é uma pessoa ativa na educação de seu filho, o que irá estreitar a confiança e a relação entre vocês.

Se esse artigo te ajudou de alguma forma, deixe o seu comentário e compartilhe com os seus amigos.

Источник: https://www.minhaprimeiraleitura.com.br/2019/03/como-ensinar-ler-uma-crianca.html

Embarazo y niños
Deja una respuesta

;-) :| :x :twisted: :smile: :shock: :sad: :roll: :razz: :oops: :o :mrgreen: :lol: :idea: :grin: :evil: :cry: :cool: :arrow: :???: :?: :!: